PJuvenil Multimédia Palavra de Deus Oração em Missão Antigos Alunos

» Favoritos

» Recomendar

» Imprimir

» Fale Connosco

Revista Além-mar Revista Audácia Jornal Família Comboniana Exposição Missionária Virtual Facebook RSS
Indique o seu e-mail:
Utilizador:
Password:
 

Evangelho do dia

Evangelho do dia: Quinta, 17 de janeiro de 2019

Evangelho segundo São Marcos 1,40-45

Restaurar a imagem de Deus no homem


 


Comentário do dia: Santo Atanásio


Naquele tempo, veio ter com Jesus um leproso. Prostrou-se de joelhos e suplicou-Lhe: «Se quiseres, podes curar-me».


Jesus, compadecido, estendeu a mão, tocou-lhe e disse: «Quero: fica limpo».


No mesmo instante o deixou a lepra e ele ficou limpo.


Advertindo-o severamente, despediu-o com esta ordem: «Não digas nada a ninguém, mas vai mostrar-te ao sacerdote e oferece pela tua cura o que Moisés ordenou, para lhes servir de testemunho».


Ele, porém, logo que partiu, começou a apregoar e a divulgar o que acontecera, e assim, Jesus já não podia entrar abertamente em nenhuma cidade. Ficava fora, em lugares desertos, e vinham ter com Ele de toda a parte.


 


Santo do dia: Santo Antão abade, +356.

Evangelho do dia: Quarta, 16 de janeiro de 2019

Evangelho segundo São Marcos 1,29-39

«Jesus [...] tomou-a pela mão e levantou-a»


 


Comentário do dia: São Jerónimo


Naquele tempo, Jesus saiu da sinagoga e foi, com Tiago e João, a casa de Simão e André.


A sogra de Simão estava de cama com febre e logo Lhe falaram dela.


Jesus aproximou-Se, tomou-a pela mão e levantou-a. A febre deixou-a e ela começou a servi-los.


Ao cair da tarde, já depois do sol-posto, trouxeram-Lhe todos os doentes e possessos


e a cidade inteira ficou reunida diante da porta.


Jesus curou muitas pessoas, que eram atormentadas por várias doenças, e expulsou muitos demónios. Mas não deixava que os demónios falassem, porque sabiam quem Ele era.


De manhã, muito cedo, levantou-Se e saiu. Retirou-Se para um sítio ermo e aí começou a orar.


Simão e os companheiros foram à procura d’Ele e, quando O encontraram, disseram-Lhe: «Todos Te procuram».


Ele respondeu-lhes: «Vamos a outros lugares, às povoações vizinhas, a fim de pregar aí também, porque foi para isso que Eu vim».


E foi por toda a Galileia, pregando nas sinagogas e expulsando os demónios.


 


Santo do dia: S. Berardo presb., e comp., mm., +1220; S. Marcelo I papa mártir, +309.

Evangelho do dia: Terça, 15 de janeiro de 2019

Evangelho segundo São Marcos 1,21b-28

«Uma nova doutrina, com tal autoridade, que até manda nos espíritos impuros e eles obedecem-Lhe!»


 


Comentário do dia: São Jerónimo


Jesus chegou a Cafarnaúm e no sábado seguinte, entrou na sinagoga e começou a ensinar.


Todos se maravilhavam com a sua doutrina, porque os ensinava com autoridade e não como os escribas.


Encontrava-se na sinagoga um homem com um espírito impuro, que começou a gritar:


«Que tens Tu a ver connosco, Jesus Nazareno? Vieste para nos perder? Sei quem Tu és: o Santo de Deus».


Jesus repreendeu-o, dizendo: «Cala-te e sai desse homem».


O espírito impuro, agitando-o violentamente, soltou um forte grito e saiu dele.


Ficaram todos tão admirados, que perguntavam uns aos outros: «Que vem a ser isto? Uma nova doutrina, com tal autoridade, que até manda nos espíritos impuros e eles obedecem-Lhe!».


E logo a fama de Jesus se divulgou por toda a parte, em toda a região da Galileia.


 


Santo do dia: S. Plácido religioso, mártir, +546; Santo Amaro ou Mauro rel., +584.