PJuvenil Multimédia Palavra de Deus Oração em Missão Antigos Alunos

» Favoritos

» Recomendar

» Imprimir

» Fale Connosco

Revista Além-mar Revista Audácia Jornal Família Comboniana Exposição Missionária Virtual Facebook RSS
Indique o seu e-mail:
Utilizador:
Password:
 

Evangelho do dia

Evangelho do dia: Terça, 17 de julho de 2018

Evangelho segundo S. Mateus 11,20-24

Converter-se e regressar


 


Comentário do dia: São Tiago de Sarug


Naquele tempo, começou Jesus a censurar duramente as cidades em que se tinha realizado a maior parte dos seus milagres, por não se terem arrependido:


«Ai de ti, Corazim! Ai de ti, Betsaida! Porque se em Tiro e em Sidónia se tivessem realizado os milagres que em vós se realizaram, há muito teriam feito penitência, vestindo-se de cilício e cobrindo-se de cinza.


Mas Eu vos digo que no dia do Juízo haverá mais tolerância para Tiro e Sidónia do que para vós.


E tu, Cafarnaum, serás exaltada até ao céu? Até ao inferno é que descerás. Porque se em Sodoma se tivessem realizado os milagres que em ti se realizaram, ela teria permanecido até hoje.


Mas Eu vos digo que no dia do Juízo haverá mais tolerância para a terra de Sodoma do que para ti».


 


Santo do dia: Beato Inácio de Azevedo e companheiros mártires, +1570; Beato Nicolau Dinis mártir, +1570.

Evangelho do dia: Segunda, 16 de julho de 2018

Evangelho segundo S. Mateus 10,34-42.11,1

Deus cuida daqueles que cuidam dos pobres


 


Comentário do dia: São Vicente de Paulo


Naquele tempo, disse Jesus aos seus apóstolos: «Não penseis que Eu vim trazer a paz à terra. Não vim trazer a paz, mas a espada.


De facto, vim separar o filho de seu pai, a filha de sua mãe, a nora da sua sogra, de maneira que os inimigos do homem são os de sua casa.


Quem ama o pai ou a mãe mais do que a Mim, não é digno de Mim; e quem ama o filho ou a filha mais do que a Mim, não é digno de Mim.


Quem não toma a sua cruz para Me seguir, não é digno de Mim.


Quem encontrar a sua vida há de perdê-la; e quem perder a sua vida por minha causa, há de encontrá-la.


Quem vos recebe, a Mim recebe; e quem Me recebe, recebe Aquele que Me enviou.


Quem recebe um profeta por ele ser profeta, receberá a recompensa de profeta; e quem recebe um justo por ele ser justo, receberá a recompensa de justo.


E se alguém der de beber, nem que seja um copo de água fresca, a um destes pequeninos, por ele ser meu discípulo, em verdade vos digo: Não perderá a sua recompensa».


Depois de ter dado estas instruções aos seus doze discípulos, Jesus partiu dali, para ir ensinar e pregar nas cidades daquela gente.

Evangelho do dia: Sexta, 13 de julho de 2018

Evangelho segundo S. Mateus 10,16-23

«Sede prudentes como as serpentes e simples como as pombas»


 


Comentário do dia: São João XXIII


Naquele tempo, disse Jesus aos seus apóstolos: «Envio-vos como ovelhas para o meio de lobos. Portanto, sede prudentes como as serpentes e simples como as pombas.


Tende cuidado com os homens: hão de entregar-vos aos tribunais e açoitar-vos nas sinagogas.


Por minha causa, sereis levados à presença de governadores e reis, para dar testemunho diante deles e das nações.


Quando vos entregarem, não vos preocupeis em saber como falar nem com o que dizer, porque nessa altura vos será sugerido o que deveis dizer; porque não sereis vós a falar, mas é o Espírito do vosso Pai que falará em vós.


O irmão entregará à morte o irmão e o pai entregará o filho. Os filhos hão de erguer-se contra os pais e causar-lhes a morte.


E sereis odiados por todos por causa do meu nome. Mas aquele que perseverar até ao fim, esse será salvo.


Quando vos perseguirem numa cidade, fugi para outra. Em verdade vos digo: não acabareis de percorrer as cidades de Israel, antes de vir o Filho do homem».


 


Santo do dia: Santa Teresa de Jesus dos Andes, virgem, +1920; Santos Henrique II, imperador (+1024) e Cunegundes, sua esposa (+1033).

Evangelho do dia: Quinta, 12 de julho de 2018

Evangelho segundo S. Mateus 10,7-15

«Ide e proclamai que está próximo o reino dos céus»


 


Comentário do dia: São Boaventura


Naquele tempo, disse Jesus aos seus Apóstolos: «Ide e proclamai que está próximo o reino dos Céus.


Curai os enfermos, ressuscitai os mortos, sarai os leprosos, expulsai os demónios. Recebestes de graça, dai de graça.


Não adquirais ouro, prata ou cobre, para guardardes nas vossas bolsas; nem alforge para o caminho, nem duas túnicas, nem sandálias, nem cajado; porque o trabalhador merece o seu sustento.


Quando entrardes em alguma cidade ou aldeia, procurai saber de alguém que seja digno e ficai em sua casa até partirdes daquele lugar.


Ao entrardes na casa, saudai-a, e se for digna, desça a vossa paz sobre ela; mas se não for digna, volte para vós a vossa paz.


Se alguém não vos receber nem ouvir as vossas palavras, saí dessa casa ou dessa cidade e sacudi o pó dos vossos pés.


Em verdade vos digo que haverá mais tolerância, no dia do Juízo, para a terra de Sodoma e Gomorra do que para aquela cidade».


 


Santo do dia: S. João Gualberto, monge, +1073; Santos Luis e Zélia Martin, esposos e pais de Santa Teresinha.