PJuvenil Multimédia Palavra de Deus Oração em Missão Antigos Alunos

» Favoritos

» Recomendar

» Imprimir

» Fale Connosco

Revista Além-mar Revista Audácia Jornal Família Comboniana Exposição Missionária Virtual Facebook RSS
Indique o seu e-mail:
Utilizador:
Password:
 

Evangelho do dia

Voltar ao arquivo de Evangelho do dia

Consistório 2018 cria 14 novos cardeais, um deles é português

O Vaticano recebe esta quinta-feira, 28 de junho, às 16h (menos uma hora em Portugal), o quinto consistório público para a criação de cardeais no pontificado de Francisco, numa lista de 14 nomes que inclui D. António Marto, bispo de Leiria-Fátima.


A história dos cardeais começa por estar ligada ao clero de Roma, mas chega hoje cada vez mais longe: 88 países passam a estar representados no Colégio Cardinalício e 65 contam com cardeais eleitores, incluindo Portugal.


O Papa Francisco deixa a sua marca, sobretudo, com a capacidade de reforçar o papel das periferias no Colégio Cardinalício com a presença de bispos e arcebispos de lugares distantes.


“Eu creio que este alargamento do Colégio Cardinalício a diversos cardeais de diversas partes do mundo corresponde também à projeção que o ministério do Santo Padre, do sucessor de Pedro, tem ganho no mundo atual”, refere D. Manuel Clemente, cardeal-patriarca de Lisboa.


Para o presidente da Conferência Episcopal Portuguesa, a “tradição do Colégio Cardinalício, como o próprio nome cardeal indica, é ser o sustentáculo, o apoio mais direto” do Papa, que tem um papel cada vez mais “global”.


“Este reforço do Colégio Cardinalício é muito consequente e eu saúdo-o com muita alegria, também”, assinala o cardeal-patriarca.


As informações são da Agência Ecclesia.