PJuvenil Multimédia Palavra de Deus Oração em Missão Antigos Alunos

» Favoritos

» Recomendar

» Imprimir

» Fale Connosco

Revista Além-mar Revista Audácia Jornal Família Comboniana Exposição Missionária Virtual Facebook RSS
Indique o seu e-mail:
Utilizador:
Password:
 

Actualidades

Voltar ao arquivo de Actualidades

Brasil: Violência no campo continua a aumentar

07 de Junho de 2018

Relatório aponta que 71 pessoas morreram no Brasil devido aos conflitos pela posse da terra ou uso da água. Documento apresentado esta semana pela Comissão Pastoral da Terra (CPT), organismo da Igreja Católica, revela que a violência no campo continua a aumentar no Brasil.


Assassinatos devido ao conflito pela posse de terra no Brasil:


2013: 29


2014: 36


2015: 47


2016: 58


2017: 71


Os números revelam que 2017 registrou o maior número de assassinatos em conflitos no campo dos últimos 14 anos, contabilizando 5 episódios qualificados como “massacres”, ou seja, quando em um conflito, no mesmo dia, são assassinadas três ou mais pessoas. E no entender CPT, o que assusta é identificar o “grau de brutalidade e crueldade que os acompanharam”.


Além do aumento no número de mortes, aumentou também a violência generalizada: tentativas de assassinatos subiram 63% e ameaças de morte 13%. 2017 foi o ano com o maior número de conflitos pela água desde quando, em 2002, a CPT passou a fazer o registro destes conflitos em separado.

Comentários

Mostrar comentários | Escrever um comentário